vídeo.

Loading...

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

PARABENS CAROL!

ADIVINHE ADIVINHE, aniversario da Carol dia 27. Que demais to adiantada hoje. HAHA. 

Hitoria: Nas epocas de oitava serie nos divertiamos muito na casa da Carol. Nao sei bem certo o porque, mas a casa da Carol era um dos melhores lugares que se podia estar. Um, agente sempre gostava pq ia sempre, 2 seeeeeempre tinha chocolate. UASHUAHSUAHS
Muitas e muitas vezes fomos pra lah. Filmes, estudos, trabalhos, imagem e açao. HAHA
enfim, tinha uma epoca q estavamos estudando pra uma prova tipo ENEM mas somente para escolas Cenecistas. Por incrivel que pareça, todos desistiram de estudar, eu e a Carol eramos as unicas que queriamos estudar mas como tds mudaram de ideia, agente acabou sedento. Brincamos de esconde esconde a tarde inteira, se estudamos 30 minutos foi muito. 
Nesse dia, eu lembro que (entre outras coisas) eu me escondi nos melhores lugares. Um deles foi dentro do quarto da Carol, dentro do armario aereo que ela tinha em cima da cama. Carol que tava contando, eu joguei todas as cobertas e travesseiros pra baixo pra me esconder. Qndo ela entrou no quarto OBVIO que me achou  pq eu tinha feito uma baita duma bagunça e nem me xingar ela me xingou ;)
Por isso que eu te amo, e te desejo tudo de melhor.  Beijoo




quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Um homem bom.

“Eu me lembro como era bom estar nos teus braços. Como era bom eu saber que eu nao precisaria me preocupar com nada ao meu redor, pq tu me carregava no colo … mesmo cansado. TInha um filme que eu sempre esperava com muita anciedade o final. Darty Dancing. A musica me facinava, eu queria dançar e tu que me convidou pra minha primeira dança. Igual a dança, a musica e “principalmente” os movimentos. HAHA, era mais brincadeira do que qualquer coisa. Mas eu me lembro de me sentir tao orgulhosa de mim mesma pq “eu sabia dançar” que nem no filme. “

Cah estou, no outro hemisferio do mundo pensando no que eu posso escrever para o homem que me carrega desde os 11 anos (piadinha interna).

 Eu fui uma das piores crianças na face da terra. Eu simplesmente tinha um genio forte e nao conseguia parar quieta e tu sempre teve paciencia comigo.
Desde que eu me conheço por gente eu lembro de ficar horas mais tarde correndo ao redor capela porque tinha que esperar a reuniao acabar.
Lembro do nosso primeiro jogo no Olimpico. Lembro de pessoas vindo pedir a tua opiniao nas decisoes.  Me lembro das bichiguinhas e dos muitos “revis”(montinhos) que tentaram te dar.  Lembro tambem que sempre me defenida da bruxa malvada que nao tinha muita paciencia com a pestinha aqui. 

Desde sempre foi meu amigo, me dava conselhos, me ensinava com paciencia, com amor   e assim, eh bem mais facil de aprender. Lembro de agarrar bem forte a tua mao em vezes que eu tive medo, ou do abraço protetor sempre que eu precisava de um.  E eu fui crescendo, fui  mudando e me tornando uma pessoa melhor, muita parte disso eh tua culpa.
Nos momentos que eu mais precisei, foi tu que me salvou. Tu que correu pra me salvar dos insetos voadores. Em situaçoes dificeis e de provacao, tu nao desanimou, tu foi forte, tu foi Valente, tu venceu todos os desafios e te aventurou novamente. Passeamos muito juntos e tivemos muitos momentos soh nossos , onde abriamos nossos pensamentos e compartilhavamos sempre de bons momentos. Me ensinou a fazer planos pro futuro, e que mesmo as coisas nao dando certo nao podemos desistir por nada nesse mundo. Que o meu Pai Celestial me conhece e me ama.   

E quanto mais o tempo passava, mas a tua opiniao era importante. Quantas vezes debatemos sobre profissoes , trabalhos e futuros.  Tu foi a pessoa mais amada, mais querida, mais paciente, mais amiga, mais corajosa, mais forte, mais dedicada, mais alegre, e que escuta o que tenho pra dizer. Faz piadinhas, inventa musicas em alemao (oh coitado, acha que fala alguma coisa UAHSUHSAUS), traz alegria pra nossa casa, faz coisas imprevisiveis e que sempre da pra dar boas risadas. Era o meu maior exemplo de felicidade, mesmo quando a vida nao estava perfeita. Nossa situacao financeira nunca foi muito confortavel, mas tu sempre transbordava alegria e esperança pra todos nos.

Os piores meses da minha vida, foi quando a tua vida mudou. Quando todo o teu brilho se apagou por acreditar em pessoas que esperavamos ser confiaveis. Nesse periodo eu fiquei com medo…onde eu mais tive medo na minha vida. Tive medo que a depressao venceria a batalha que tu tava vivenciando. Tive medo de nao ser forte o suficiente pra te ajudar. Tive medo, da alegria que tu tinha nao voltasse nunca mais para o teu rosto, e eu perdesse o teu sorriso.  Mas mais uma vez, tu foi um exemplo pra mim e venceu a batalha.  E mais ainda, me ensinou a perdoar.

É meu melhor amigo, é meu irmao, é meu exemplo, meu principe ,  meu amor, é meu palhacinho,   meu heroi e felizmente, é meu pai. Eu confio e ele confia em mim.
Serio, tu sabe como eu queria estar ai, poder pular no teu colo te abraçar e beijar, beijar, beijar e te encomodar, encomodar e rir contigo ateh a barriga doer. Te lembrar que tem que fazer reuniao familiar, que tem q ter animo sempre. Se eu estivesse ai, eu te diria o mesmo, as coisas que tu mesmo me ensinou. Nao desiste nunca, fica firme, seja forte, seja Valente, lute pelo que tu quer e eu te amo! E eu to aqui, com saudade, cheia de memorias e de lembrancas.
Pai, eu cresci, tu nao manda mais em mim (soh pra encomodar, uHSUAHS). Mas nunca esqueça de uma coisa: eu sou a mesma, e nao importa o meu tamanho, tu sempre vai ser aquele que me salvou dos meus maiores medos e eu  serei sempre o teu nenem, pra toda eternindade.



PS – A proxima lutinha, eu vou ganhar ! HAHA ;) Te amo meu amor.

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

PARABENS NICOLAS !

Nos aniversarios dos meus amigos agora, como eu nao tenho como estar presente, eu vou começar a contar historias vividas :)
Hoje (ainda eh o niver dele nos states), eh aniversario do Nicolas. HAHA, foi o guri de igrejinha que mais estudou cmg. Na realidade, estudou cmg em Duas escolas diferentes no mesmo ano, entao, eh.. ele eh importante. Mas no inicio, eu nao gostava muito dele. Graças ao meu querido irmao, eu e o Nicolas ficamos mais proximos e entao as coisas se tornaram como estao.
Nesse aniversario eu te desejo tudo de melhor e felicidade que esse mundo pode oferecer. Sinto saudade de ter um vizinho que tem sempre pastelzinhos, de poder jogar warms todo dia e ter um amigo com quem contar ao simples atravessar a rua. Te amo Nico. E tu sabe quao especial tu eh ;)

Historia: "Estavamos cuidando de um gato de uma amigo que estava viajando. Gatos nunca foram muito que bem vindos na minha casa (pq a minha mae odeia) entao, temos que manter uma certa distancia o que a Lisie simplesmente nao conseguia.    Eu estava indignada com a minha irma aquele dia pq ela simplemente soh queria saber do gato. Como de costume (era ferias) o Nicolas tava lah em casa jogando PASS. E eu tava pedindo pra Lisie nao pegar o gato no colo pq ele podia arranha ela pq ele nao tava afim. Eu passei berrando o dia todo pra ela largar o gato. Ateh a ultima eu falei : LISIE, SOLTA ESSE GATO! QUE SACO! TO DIZENDO ISSO O DINHA INTEIRO! Nicolas por favor, diz pra Lisie com autoridade e uma voz malvadona de homem brabo. 
Nicolas disse: Lisie, larga o gatinho ! ( tao sutil, suave totalmente o oposto do que eu tinha pedido)
Quando eu estava a ponto de bater nele, a Lisie largou o gatinho. Dai agente caiu na gargalhada. HAHA"
saudades !

CREDO, nao levem a serio essa foto. Soh as companhias que a salvam ! 

domingo, 9 de janeiro de 2011

Ano Novo na Disney.

Meus amigos do Colorado estavam super empolgados para o ano novo, porque eles tem uma tradição que me deixou meio "surpresa". Eles beijam na boca as pessoas pra desejar boa sorte para o ano. O___O Imagina a minha caara qnd contaram isso ! HAHA.

Minhas duas semanas em Cali foram chatas pq eu nao sai de casa pra quase nada pq eu ainda nao tinha seguro no carro entao, fica ruim. Aqui, parece SP, mas ainda nao eh tao pior, mas comparado com Colorado aqui eh uma loucura. Parecem uns doidos dirigindo.
Decidi, que o melhor lugar de passar o ano novo era na Disney. De Natal, eu ganhei um passaporte anual para a disney, onde eu posso ir quando eu quiser, nao importa o dia nem a hora.
Entao, fomos bem felizes pra Disney no ano novo.
Chegamos lah para os fogos diários as 8:40 da noite. Nao eh comum as pessoas soltarem foguetes no ano novo aqui (eh bem parado pelo que eu vi), entao tava bem feliz que veria as 8:40pm :D FOI LINDO ! Como sempre. Em seguida, no outro lado do parque teria uma apresentação especial. Foi MARA !
Era um show num laguinho, onde apareciam muitos personagens. Tinha uma "ilha" no meio do lago onde muita coisa aconteceu. ( O Mickey apareceu e tal!) E um "chafariz" saiu do meio do lago, e nele apareciam desenhos, muito fera ! Apareceu Mickey, Pinóquio, Peter Pan, Bela e a Fera, Pequena Sereia, Aladin, Bruxa da Branca de Neve e da Bela Adormecida, Toy Story, Alice no Pais das Maravilhas, e sao esses que eu me lembro.  AMEI !








Nas ultimas semanas eu estava andando meio desanimada. To sozinha aqui, sentindo saudade de todos aqueles que sao importantes pra mim de alguma maneira. Tava desanimada e tudo. Mas, no ano novo as coisas mudara. Eu senti que ia ser bom e que eu ia gostar. Eu tenho um certo de "superstiçao" a respeito do ano novo devido aos minhas ultimas duas viradas que muito das coisas que aconteceram (nessas viradas) me mostraram que foram somente um reflexo do que seria o meu ano, entao geralmente quero um ano novo bem bom, pq nele se espelha o meu ano. E nessa virada, foi a melhor de todas ateh agora. Foi anunciado o ano novo, 2011 estava ai! E comecaram os fogos, e ao mesmo tempo musicas. A primeira palavra que eu ouvi nesse ano foi "believe". Se  como nos ultimos anos o decorrer do meu ano for um reflexo do que foi a virada, esse meu ano vai ser muuuito bom. Pensa, eu passei o ano novo no unico lugar onde todos os sonhos podem se realizar, onde existe magia, principes, bruxas e contos de fadas, onde o bem sempre prevalesce e onde tudo eh possivel. Posso sonhar alto, acreditar que um dia eu chego onde eu quero chegar. Nao posso me esquecer de agradecer por tudo que tem me aconteceido sempre !  Foi uma sensaçao de liberdade, e a musica ( e eu preparada pra se as pessoas comecassem a se beijar eu ia me esconder, uAHSUAHSUAHS) mas nao aconteceu nada muito perto de mim. Esse ano vai ser bom, tenho certeza. Mas acho que o alívio e a felicidade e até mesmo a mudança maior na minha vida a partir do ano  foi que agora eu posso dizer com todo vigor e força: "Esse  ano eu vou ao Brasil ! " 


Detalhes: A tia que estava com o microfone se atrasou 2 minutos pra anunciar o ano novo, HAHA ficou falando se perdeu no relogio, e no fim disse: "FELIZ 2012!" 
O_____O poxa e eu pensando que era 2011 ! ASJUASHAUSHUASHAU
E esse foi o ano novo da minha vida que foi mais longo de todos. Começou as 6pm da tarde com o Brasil e terminou as 5am da manha, com toda a minha leitura e os meus afazeres que sempre faço no ano novo.





sábado, 8 de janeiro de 2011

Going to California.

“I could hear only the silence again. Maybe music sometimes; the cold of the snow and the drops of the rain. I could see the mountains and the rocks in our path.  I could remember special times I had before. The best thing, in the dark of the night, I realized it wasn’t too dark because the moon was there. Yep, the moon.  Always with me, lighting my way and sending reciprocal messages from and to Brazil.  I thought about you on my way, what we had done and what we still are going to gather together.”

I always think a lot. Almost my entire day I’m thinking about people in Brazil, now I think of some friends in the U.S. and about my future. I still have no idea what to expect, I only know I’m going to do my best and I am going to be successful. Indeed, when I’m traveling I think vehemently about something or nothing at the same time.  We took more than the time expected, but we are all here good and alive, here, in California.


domingo, 2 de janeiro de 2011

Natal.



Entao é Natal. Posso ver pelas cores, pelas luzes. Posso ver por todas as pessoas me desejando “Feliz Natal” via e-mails e “Merry X-mas” nas ruas. Pelo cheiro de pinheiro e dos presntes. Mas nao sinto o Natal.
Este é mesmo Natal? Nao pode ser. Lembro-me da alegria que era arrumar a mesa para a ceia.  Do sentimento de ajuda mas principalmente da alegria que era de compartilhar historias sobre meu Salvador. O sentimento de juntar o povo, de comer numa mesa farta, de cantar hinos e de abraçar, ah… abraçar muito e gastar os beiços de tantos beijinhos. O sentimento é diferente…
Eu vejo as pessoas ao meu redor, sorridentes e tentando sempre me agradar. Eu esperava que o meu Natal fosse distinto mas nao tanto. Impressionante como as coisas sao. Eu tenho tudo ao meu alcance. Eu tenho uma ceia, eu tenho presentes, eu tenho luzes, cores, sorrisos, passeios  e tudo que se pode imaginar pra ter um Natal maravilhoso. Mas ainda assim, quando me perguntam sobre como eu to me sentindo, eu penso, respiro e digo: “bem”. Um bem vazio.
Nao é a mesma coisa, eu nao sei quantos dias faltavam para o Natal ou horas, ou minutos. Eu levanto abro o computador e dai sim eu vejo, putz já é Natal.

Quando eu penso, eu paro tudo, e procure me concentrar, eu conforme eu nao encontro nada; nenhum pensamento, nem sentimento, nenhuma vontade; eu vou mais a fundo procurando um pontinha de Natal dentro de mim. E me deparao com vazio, vazio e mais vazio. Eu tento, mas eh mais forte do que eu. Nao acho nada.   Mas entao, eu penso nas pessoas que estao felizes comigo ao redor, entao eu decido: Vou sorrir e aproveitar todos os momentos, no final das contas, é divertido e eu fiz alguem feliz. Mas mesmo assim, parece que é vazio pra mim.
Eu tenho duas famílias agora, a daqui e a do Brasil. Eu amo eles aqui, demais e amo os do Brasil demais tambem.  De agora em diante, meu sonho é ter TODA a minha família unida. Torço que eu consiga fazer isso em vida, e nao só na eternidade. Ain, as familias sao eternas, que conforto isso me dá, um dia vamos estar tudo junto galera.  Feliz Natal, e eu amo vocês!


“Posso ver as cores, posso ver as luzes, mas esse Natal taá sem foco e definitivamente nao tem brilho. Ainda assim, ele está ai, posso ver, gostaria de poder senti-lo.”


24/12/10

Mas jah passou, to bem agora, o ano novo me trouxe e vai trazer muita coisa boa.